Feliz Dia dos Pais!

E domingo é Dia dos Pais!

FullSizeRender 2

Uma das coisas que meu pai nos deixou de lembrança foi sua paixão por viagens e pelo mar! Ele tirava 2 férias no ano e em todas elas, ou em 90% delas, viajava para a praia. Nesta foto estamos em Ilhabela, em outubro de 77!

Para comemorar, fiz esta página bem clean com o último Kiss do ScrapDiary, para registrar esse momento.

FullSizeRender(1)

FullSizeRender

E como homenagem ao Dia dos Pais, deixo um pequeno trecho do livro “Cabeça de homem”, do Léo Jaime (1ª edição, Ed. Nova Fronteira, Agir, 2014, pág. 188/189), que gostei muito:

A partir do momento em que foi tirado da barriga da mãe (eu gravava com uma pequena câmera fotográfica), ele demorou um segundo e meio para começar a chorar. Embora minha mão não tenha tremido, o chão para mim se abriu naquele instante mínimo e duradouro. Ele começou a chorar, ufa, e foi levado. Fiquei alguns segundo confortando a mãe e, em seguida, fui até ele, que chorava sem parar. Cheguei perto, estavam passando tinta no pezinho, e disse a ele para ficar tranquilo porque eu estava lá. Ofereci meu dedo para ele segurar, enquanto falava: ‘Papai está aqui’. Imediatamente ele parou de chorar. E segurou meu dedo até que pudesse vir para o meu colo. Pronto. Tínhamos nos conectado. Eu tinha falado e cantado muito para ele, ainda na barriga da mãe. Ele conhecia a minha voz.”

…  “Com ele descobri que tenho, enfim, uma vocação: nasci para ser pai e gosto muito disso. Muito.”

Para todos os Pais no seu Dia, em especial para o pai da minha filha:

Feliz Dia dos Pais!!

Pai e filha 082011

Reformando uma página de Scrapbook!

Oi gente!

Tudo bem? Espero que sim!

Hoje continuo com  fotos de Antes e Depois de um projeto, mas desta vez não é reforma de móvel, é reforma de página de Scrapbook!

Quem faz scrapbook sabe que, alguns projetos que fazemos não nos agradam muito e ficam nos incomodando sempre que olhamos para eles; e aí nos vem uma vontade louca de alterar alguma coisa, mudar o fundo, trocar o título, enfim… reformar!

E foi isso que fiz com estas 2 páginas abaixo!

Antes:

Wonderful Life antigo

Amei esta foto de Arraial do Cabo/RJ e queria muito fazer uma página diferente para ela! É engraçado dizer, mas algumas vezes pensamos em como queremos construir uma página e à medida em que ela vai sendo montada, acaba adquirindo personalidade própria e vai ficando de um jeito totalmente diferente daquele que havíamos pensado!

Depois:

wonderful

A primeira providência foi trocar o fundo! Aquela folha branca estava deixando a página apagada, sem vida! Aí então, exclui aqueles enfeites que saiam por baixo da foto, rasguei o papel de toda a volta da montagem feita com a foto, para manter uma moldura mais clara – dando a impressão da areia da praia, e coloquei mais alguns enfeites.

DSC01220

E o resultado foi esse abaixo – achei que ressaltou e valorizou a montagem da foto:

Crianças e LO novo

A outra página reformada foi essa…

Antes:

Our Love antigo

Embora gostasse do fundo claro, manchado com tinta, achava que alguns enfeites não eram muito românticos e delicados, como gostaria que fossem para esta foto!

Depois:

Our Love

Neste caso, o fundo estava ok, então a alteração começou pela retirada de alguns enfeites, substituindo por outros mais delicados, românticos e coloridos – enfeites de flores e anjo by Julia Cotrim.

Our love detalhe

E o resultado foi esse abaixo – achei que deixou a página mais romântica e delicada:

Our Love antes e depois

E vocês, gostaram do Antes e Depois das páginas?

Me contem o que acharam, ok! Vou ficar feliz em saber!

Beijos e até o próximo post!

Reciclagem – Parte 3: Gaiola com nova função!

Oi gente!!

Bom Dia! Hoje vamos para mais um post sobre reciclagem, desta vez uma antiga gaiola de passarinho que ganhou nova função!

1) foto

A gaiola estava bem velhinha, abandonada, tinha deixado de ser usada a muito tempo. Com os passarinhos agora livres, achei que ela poderia ser resgatada ter uma nova função. E para reciclá-la, como sempre, o primeiro passo foi lixar!

2) foto

Após lixar, veio a pintura com uma tinta spray branca.

IMG_2956

Dei umas 2 mãos de tinta e o resultado foi esse…

3) foto

Depois foi só decorá-la com umas bandeirinhas feitas de fita decorada, flores e um “Bem vindo” para receber os amigos que chegam em casa!

5) DSC00783

E por hora é isso!

Quando der volto com outros projetos de reciclagem, ok!

Beijos e ótima 4a!

Reciclagem – Parte 2: Baú repaginado!

Oi gente! Bom dia!

Quarta-feira fria, com cara de sexta, feriadinho chegando! Muito bom, né!?

Hoje venho mostrar uma reciclagem que fiz em um baú de madeira que ganhei da minha avó!

3) DSC00567

O baú estava em ótimo estado, conforme foto acima, mas a cor escura da madeira o deixava com cara de muito velho! Então resolvi pintá-lo de branco para deixá-lo com uma aparência mais leve.

Baú-002

Como toda reciclável de móvel, o primeiro passo é sempre lixar para tirar o verniz antigo e deixar a madeira no ponto cru para receber uma camada de tinta ou mesmo um novo verniz. Aproveitei esta etapa e retirei os enfeites de madeira, que estavam apenas colados, nas 2 laterais do baú e o deixavam com um ar ainda mais velho.

6) foto

Passei um fundo nivelador branco, de massa corrida, com trincha grossa para dar um aspecto mais rústico. Na sequência pintei com uma tinta acrílica branca à base de água, que deixou o baú conforme foto abaixo:

8) foto

Para finalizar e deixá-lo com um ar ainda mais rústico, lixei algumas pontos do baú até retirar uma parte da tinta, dando um ar desgastado.

11) DSC00779

E o querido baú que ganhei da minha vó ficou assim! Repaginado, com uma carinha mais nova e totalmente integrado ao escritório da casa, agora servindo também como banco! Não ficou lindo!?

12) DSC00781

Espero que tenham gostado do projeto e que ele sirva de inspiração!

Até o próximo

Feliz Dia das Mães!

Olá!

E para deixar registrado o Dia das Mães, fiz esta página inspirada em um sketch para o novo desafio do blog da Zarza Laser:

11252608_778245218940587_621782542_n

E aqui a minha página:

Love

Aqui detalhes da página…

DSC01081

Usei este lindo círculo de flores da Zarza como moldura para a foto e também uma borboleta e um coração. Muitas flores, tons de verde que minha mãe adora e o LO ficou assim!

DSC01082

Para finalizar uma foto de hoje com nossas “mães”!

DSC01073DSC01076

Parabéns para todas as mães pelo nosso dia!

Beijos!!

[6 on 6] Maio!

Oi gente!

Mais um dia 6 chegou, dia de Projeto Fotográfico [6 on 6]!

1) Máquina janeiro menor

O projeto 6 on 6 consiste em reunir 6 blogueiras que irão tirar 6 fotos e postar no blog todo dia 6. As fotos serão temáticas em alguns meses e aleatórias em outros meses, mas tudo será surpresa para quem nos acompanhar. A ideia desse projeto veio de inúmeros blogs que já participam de forma semelhante. No final de cada post colocaremos os links dos blogs das outras participantes!

Este mês o tema foi definido pela Angelica Cirne que escolheu como tema: Pessoas!

6on6 pessoas

Abaixo as minhas fotos:

01)

02)

03)

04)

05)

06)

Paisagens, lugares, momentos, pessoas… Depois que postei as fotos aqui no blog é que reparei que praticamente todas as fotos que escolhi, as pessoas estão de costas… rs! Gosto de tirar fotos assim, acho que em algumas situações as pessoas são mesmo apenas coadjuvantes nas imagens!

Por hoje é isso, espero que gostem das fotos!

Agora veja as fotos das outras meninas:

Angelica Cirne, Gabi AlbertiLuciana SielskisMichella Souza e Renata Moni Bind.

Beijos e até o próximo [6 on 6]!

Scrapbook – projeto de aula!

Oi gente!

Vamos para mais uma aula de Scrapbook na Lene Ateliê!?

Este é o projeto de aula: um Scrap Decor Kitchen super útil, feito com os lindíssimos papéis da Oficina do Papel, que terá um bloquinho de notas e suporte para lápis ou caneta para não esquecer de anotar nada que esteja faltando na nossa cozinha.

Projeto 1

A aula será em junho, no dia 25 de junho, às 14 horas na Lene Ateliê em Lorena/SP!

Projeto 2

O projeto poderá ser pendurado em um cantinho especial da sua cozinha para ter sempre à mão e usá-lo muito!

Projeto 3

Veja como fica lindo em qualquer fundo, seja branco ou mais country, com madeira…

Projeto de aula

Teremos kit com PAP para envio pelo correio também, ok!

Anote a data e não perca, te esperamos!!

Beijos!!

[6 on 6] Abril!

Bom Dia!

Dia 6 é dia de Projeto Fotográfico [6 on 6]!

1) Máquina janeiro menor

O projeto 6 on 6 consiste em reunir 6 blogueiras que irão tirar 6 fotos e postar no blog todo dia 6. As fotos serão temáticas em alguns meses e aleatórias em outros meses, mas tudo será surpresa para quem nos acompanhar. A ideia desse projeto veio de inúmeros blogs que já participam de forma semelhante. No final de cada post colocaremos os links dos blogs das outras participantes!

Este mês o tema foi definido pela Renata Moni Bind que escolheu um tema delicioso: Cores!

Cores

Decidi usar fotos inspiradas nas Cores Primárias e Secundárias: amarelo, laranja, vermelho, roxo, azul e verde!

6 on 6 Cores

Vamos às fotos?

DSC00021

4) Laranja

Tomate

6) Roxo

1) Azul

2) verde (2)

Acho que não preciso falar muito sobre as fotos, né!?

Agora veja como as outras meninas utilizaram este tema:

Angelica Cirne, Gabi AlbertiLuciana SielskisMichella Souza e Renata Moni Bind.

E por hoje é isso, espero que tenham gostado das fotos!

Beijos e até o próximo [6 on 6}!

O que ando lendo / 2016!

Oi gente!

Hoje nossa conversa por aqui é sobre leitura!

Cronicas

Começo contando que em 2014 fiz um projeto de leitura bem gostoso, onde deveria ler ao menos 1 livro por mês! Chamei o projeto de #umlivropormes e todo mês postava as fotos dos livros no meu instagram: https://www.instagram.com/patidilorenzibarbosa/. Gostei bastante de ter começado o projeto, pois andava totalmente sem ritmo e disciplina para ler e o projeto me ajudou a pegar o pique novamente.

Em 2015 não postei os livros que li, embora tivesse decidida a continuar com o projeto do ano anterior. Mas, acho que a falta de compromisso com prazo, fez com que quebrasse um pouco o ritmo e acabei lendo bem menos do que gostaria. Aliás, mais comprei livros do que li! Por exemplo, dos 4 livros abaixo, finalizei os 2 maiores em 2015 mas os outros 2 menores estavam apenas começados. Então este ano decidi que não compraria mais nenhum livro enquanto não terminasse os que já tinha.

Livros

Bom, como o primeiro trimestre de 2016 já acabou, venho contar como decidi compartilhar as leituras deste ano. O objetivo continuará sendo 1 livro por mês, mas agora com posts trimestrais, quando virei dividir aqui o que conseguir ler.

Não vou fazer resenhas dos livros ou avaliar cada um deles, pois acho que cada livro toca cada pessoa de forma diferente. O que vou tentar fazer é compartilhar ao menos 1 frase que mais gostei ou mais representou cada um deles para mim – pois sou daquelas que vai lendo e marcando com um lápis tudo que acha interessante… rs!

Começo com os 4 livros abaixo, livros totalmente diferentes, com temas e assuntos que não se relacionam e acho que por isso mesmo acabam sendo tão interessantes para mim – muitas vezes vou lendo 2 ou 3 ao mesmo tempo.

foto

Veja bem, os posts sobre leitura que inicio hoje, serão um compromisso comigo mesma, principalmente para ter um prazo para compartilhar o que tenho lido, pois isso me estimula muito a arrumar um tempinho para ler.

Vamos lá então!

  • Livro 1:

Projeto 5 Continentes – Raphael Karan – Ed. RV, 1a edição, 2013, pág. 143. Um livro sobre aventura, sobre sair da zona de conforto, sobre acreditar em projetos, sobre como vemos o mundo.

“… há um ditado entre os viajantes que recomenda: ‘Antes de partir, rasgue seu passaporte’ – o que significa dizer, não espere encontrar sua cultura, seu jeito de fazer as coisas, as regras às quais está acostumado, porque o mundo não é padronizado, e ainda bem que não é, porque seria tudo muito chato.

… Passamos a vida desejando coisas e a cada uma delas conquistada, surgem outras duas ou três. O ter é o que importa, o ser e o fazer, nem tanto. Segundo o hinduísmo e também o budismo, o caminho para a felicidade passa pela ausência do desejo, exatamente o antônimo daquilo em que se acredita. Não entendi muitas coisas que vi na Índia, mas antes não entender do que apenas criticá-las. Enfim, aprendi que não há certo ou errado nas diferentes culturas, o que indubitavelmente deve haver é respeito por elas”.

  • Livro 2:

Cabeça de homem – Léo Jaime – Ed. Agir, 1a edição, 2014, pág 171. Um livro sobre o olhar dos homens sobre a vida, a família, as mulheres, o mundo. Inteligente, irreverente, leve e divertido.

“Em primeiro lugar é preciso dizer que homens em geral só saem para dançar quando querem acasalar. É a primitiva dança da salamandra doida aplicada aos dias atuais. Casou, para de dançar. Sinto muito, mas é assim. A não ser que tenha uma festinha na casa de amigos, seja carnaval ou festa junina”.

  • Livro 3:

A grande magia – Elizabeth Gilbert – Ed. Objetiva, 1a edição, 2015, pág 121. Um livro sobre criatividade e como nos boicotamos para viver uma vida sem graça.

“Acredito piamente que precisamos todos encontrar algo para fazer na vida que nos impeça de comer o sofá. Quer façamos disso uma profissão ou não, precisamos de uma atividade que vá além do trivial e que nos leve além dos papéis convencionais e limitadores que desempenhamos na sociedade (mãe, funcionário, vizinho, irmão, chefe, etc). Todos precisamos de algo que nos ajude a nos esquecermos de nós mesmos por um tempo – esquecer momentaneamente nossa idade, nosso sexo, nossa origem socioeconônica, nossos deveres, fracassos e tudo que perdemos e estragamos. Precisamos de algo que nos leve além de nós mesmos a ponto de nos fazer esquecer de comer, de fazer xixi, de aparar a grama, de guardar rancor de inimigos, de ficar ruminando inseguranças”.

  • Livro 4:

Como envelhecer – Anne Karpf – Ed. Objetiva, 1a edição, 2015, páginas 25, 36, 149-151. Um livro com um novo olhar sobre o envelhecimento e o passar do tempo, com sugestões de leituras sobre os vários temas.

“Na verdade, todos nós começamos a envelhecer no momento em que nascemos: pode-se dizer que o nascimento provoca o envelhecimento – este não é possível sem aquele. Assim que você compreende o envelhecimento como algo presente por todo o ciclo da vida, como algo que está ocorrendo neste instante com todos nós independentemente da idade, começa a vê-lo por uma perspectiva diferente daquele padrão no qual somos jovens e, de repente, quando chegamos a determinado limiar (25, 30, 40, 50 – pode escolher), cruzamos a barreira do ‘envelhecimento'”.

“As pessoas que envelhecem melhor são aquelas que viajam carregando menos coisas, que são capazes de se livrar das ideias fixas às quais se apegaram em uma etapa da vida quando veem que não são mais adequadas. É necessária certa flexibilidade de espírito”.

“…nossa cultura sofre de… um temor doentio da morte. Isso é reforçado pela forma como a morte, assim como a velhice, tem sido afastada do resto da sociedade…”. “Existe, porém, outra forma de tratar a morte que torna envelhecer muito mais fácil: embora seja um paradoxo, é pensar cada vez mais, e não menos, na nossa mortalidade e incorporar isso em nossas vidas diárias. A morte precisa nos acompanhar por toda a vida, e não nos perseguir. Mórbido? Não – budista”.

*

Resultado do 1o. trimestre: 4 livros finalizados e nenhum livro comprado!

Por hoje é isso! Beijos e até o próximo post!

Reciclagem – Parte 1): Cômoda com pátina!

Oi gente!!

Estamos na véspera do feriado da Páscoa, todos com uns dias a mais de descanso, então que tal aproveitar esse tempinho de folga, pegar aquele móvel mais velho que você tem em casa, meio sem graça e dar uma repaginada nele?

Pois foi isso que fiz com a cômoda da foto abaixo, que era da minha avó. Veja que linda que ela ficou:

7)

Esqueci de tirar foto da cômoda antes de começar a lixar, mas ela era na cor de madeira escura, com puxadores pendentes, daqueles bem antigos, sabe?

Bom, embora antiga, a cômoda estava em ótimo estado, tem gavetas boas, bem grandes, então achei que valia a pena deixá-la mais moderna, com vida própria para integrar a decoração do quarto.

DSC00921

Como toda repaginada em madeira, o primeiro passo é sempre lixar! Sorte que tinha dado de presente para o meu marido, um tempo atrás – sem segundas intenções, juro; uma lixadeira manual da Bosch, super levinha e prática. E foi ela mesma que usei para lixar os espaços maiores; só nos cantinhos é que não teve jeito e lixei na mão mesmo!

2)

Depois de lixada, o 2 passo foi passar uma camada de fundo branco nivelador, com massa corrida da Suvinil para esconder alguma imperfeição na madeira, como a marca dos antigos puxadores, por exemplo e para que ela ficasse mais clara para facilitar a entrada da tinta.

3)

Depois de seco, dei mais uma lixadinha de leve para tirar algum excesso da massa e passei um pano seco para tirar o pó. Na sequência fiz uma mistura de cores com tinta acrílica fosca branca, à base de água também da Suvinil, um corante líquido verde e umas gotinhas de tinta preta para chegar no tom de verde que eu queria.

Usei uma trincha larga para a pintura e uma menor para os cantinhos, pois queria um efeito de pátina, mais rústico.

4)

Não me pergunte quanto de tinta branca, preta e de corante verde usei, porque não sei! No começo da mistura, até tentei ir marcando a quantidade, mas depois me perdi e desisti. Só sei que ficou neste tom de verde meio água marinha que adorei.

5)

Concluinda a parte da pintura – como queria dar um ar mais desgastado ao móvel, com uma cara meio antiga, provençal, dei umas lixadas mais fortes em alguns pntos específicos, até aparecer o fundo da madeira.

6)

Para finalizar o acabamento, troquei os antigos puxadores por esses, que achei que combinaram perfeitamente com a minha antiga/nova cômoda! O resultado foi esse! Não ficou linda e super charmosa!?!?

8)

Claro que todo esse processo não se deu de um dia para o outro, demorou um tempo, fui fazendo aos poucos, nos finais de semana e feriados, sempre que tinha uma folga do trabalho. Sem pressa, curtindo cada etapa.

E foi tão gostoso e gratificante ver o resultado de todo o processo, que me empolguei e reciclei outros móveis e objetos que tinha por aqui. Com tempo vou mostrando cada um deles, tá!

Por hoje é isso! Uma ótima Páscoa e aproveite bem o seu feriado!

Até o próximo post!

Beijos!

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 27 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: